08 abril 2008

POETA
.
.
ouvimos o poeta falar no peso exacto de cada palavra e não sabemos a que se refere. a diferença de um grama, por exemplo - é muito? é pouco? inultrapassável? dispiscienda?
.
.
PERSISTÊNCIA
.
.
antevemos que toda a persistência será, um dia, tornada inútil. persistir em ignorá-lo dá, consoante o ponto de vista, a medida da nossa coragem ou da nossa loucura.

2 comentários:

minor.qi disse...

Vem conhecer mais um espaço online que se dedica a aprofundar a vida, com palavras, sons e imagens.

http://superficieprofunda.blogspot.com

Deixa a tua ideia!

Muito obrigado pela atenção!

minor.qi

Tchi disse...

E muito acertadamente aqui se desenrola o que a vida mostra mas nem todos conseguem ver.

Profundas reflexões.